Digam “olá” ao sufoco que foi encarar esse episódio
Esse terceiro episódio (Chaos Theory) é onde a caçada pela verdade sobre Kate e Rachel realmente começa a ficar séria. Logo no inicio Max e Chloe invadem o escritório do diretor durante a noite para descobrir alguma coisa sobre as duas vítimas e sobre o principal suspeito, Nathan. Chloe roubou as chaves de David para entrar no prédio, mas o chefe de segurança não tinha a chave do escritório do diretor. Felizmente, Max sabe exatamente a quem pedir ajuda e manda mensagem para Warren (aquele lindo) para pedir por seus “conhecimentos científicos”.

 

Como já é notavel, esse será mais um post extenso. Então se prepare ou só curta as imagens mesmo 😉

Assim que as duas amigas invadem o escritório de Wells, elas tem a chance de encontrar algumas pistas para a investigação. Enquanto Chloe verifica o computador, Max vasculha os arquivos de todos que conhece. Sejamos honestos, não havia razão para procurar os arquivos de Warren ou Victoria, mas ela tem uma “curiosidade insaciável”. O arquivo de Nathan estava impecável, mas os registros do computador de Wells mostravam numerosos relatos de incidentes que teriam suspendido qualquer outro aluno, mas já que estavamos falando de Nathan, ao invés disso, foram enterrados. Há também o desenho que as deixou preocupadas “Rachel na sala escura” escrito várias vezes. Além disso, elas descobrem que David se juntou a Nathan para fazer acusações ao diretor sobre Rachel estar levando drogas para a escola.

Antes das duas detetives irem embora, Chloe descobre um envelope cheio de dinheiro que diz ser destinado como “Fundo para deficientes”. Seria mais que suficiente para pagar a divida com Frank. No entanto, Max convence Chloe a não pegar o dinheiro e elas saem do escritório.

Quando estão prestes a sair da sala, Chloe tem a brilhante ideia e diz para irem nadar na piscina de Blakwell (ideia divertida mas bem estúpida na minha opinião), Max logo aceita a ideia. Já dentro na piscina, elas tem conversas sobre a infância, brincam e Chloe comenta como os poderes estão mudando Max. Quando decidem sair, David aparece com a segurança do campus para encontrar os invasores da universidade. Max e Chloe se escondem para não serem vistas e conseguem fugir. Agora que são fugitivas de Blakwell, Chloe propões que Max durma na sua casa para não chamar atenção voltando para seu dormitório.

As duas acordam, conversam, tiram uma self e Max decide se levantar e ir ajudar na preparação do café da manhã. Quando vai pegar suas roupas percebe que estão fedendo a cloro da noite anterior, então Chloe faz a sugestão de que ela deveria experimentar algumas das roupas de Rachel. Com um papo no ar de que “Max devia se arriscar mais”, Chloe propõe a Max que a beije. Ainda não sei dizer se Chloe disse isso apenas para que Max saísse da concha ou se ela fez todo esse cenário para receber o beijo e aquela coisa toda. Max diz que não é tão fácil para ela e logo desce para ajudar Joyce.

Deixando Chloe com seus pensamentos (e baseado) agora Max está vestindo as roupas de Rachel. Ao cumprimentar Joyce ela é momentaneamente confundida com a menina desaparecida e já da para ver o quão Max é insegura em ser comparado a ela. Rachel não era apenas popular e excelente estudante, ela basicamente substituiu Max na vida de Chloe. Joyce parece preferir Max ao invés de Rachel e ela entra no modo nostalgia e pega o antigo álbum da família. Entre essas fotos antigas está uma que o pai de Chloe, William, tirou delas antes de morrer em um acidente de carro. Era uma época em que as duas ainda eram inocentes e felizes. Joyce dá a foto para Max como um lembrete do que Chloe costumava ser.

 

Chloe aparece e logo sussurra para Max que vai distrair Joyce para ela ir a garagem de David para procurar por pistas. Em seu computador, Max encontra arquivos de três estudantes que David considera suspeitos: Rachel, Kate e a própria Max, assim como também descobre que Rachel estava envolvida romanticamente com Frank.

Antes que Max possa falar das informações que encontrou para Chloe, David chega em casa e não está muito feliz com o seu turno noturno. Ele bate boca com Max e Joyce vem em sua defesa. Max tem a escolha de ficar ao lado de Chloe ou David nesse momento. Eu decidi fazer Max ficar do lado de David, sei que ele toma atitudes de forma bem errada em certos momentos, mas ele esta querendo resolver o caos todo como as duas também estão. A falta de comunicação entre eles que acredito ser o fator que complica e achei que essa seria a chance de mostrar para Chloe que ele também tem um bom motivo por trás das suas ações.

Após a discussão, Chloe e Max entram no carro, Max conta a amiga sobre a relação de Rachel com Frank, Chloe não acredita. Max então sugere que a duas invadam o trailer do traficante para procurar por evidencias e saber até onde ia esse relacionamento e seu real envolvimento no desaparecimento de Rachel. Max está ficando bem saidinha e tomando atitudes que eu não acho corretas, invasão, bisbilhotar coisas de outras pessoas e por ai vai. As duas precisam invadir o trailer de Frank enquanto ele não estiver lá. A boa notícia é que Frank está tomando café da manhã na lanchonete, a ruim é que ele teve bom senso suficiente para trancar a porta e seu cachorro está lá dentro pronto para atacar qualquer intruso.
Conseguir as chaves de Frank é simples o suficiente para uma garota com superpoderes. Demorei um tempo considerável nessa parte, consegui me sentir mal jogando a comida de Frank no chão e coisa do tipo. Depois de ter que conversar incansavelmente com Frank, o policial e Nathan, consigo fazer uma abordagem em Frank e surrupiar as chaves dele.
Após conseguir o que quer, Max vai até Chloe que da um osso para amiga, dizendo que precisa jogar para que o cachorro saia do caminho delas. Você pode jogar o osso no estacionamento ou na estrada, definitivamente eu não dei a chance do cachorro ser atropelado.

De volta à missão, Chloe tem outro computador para procurar informações enquanto Max procura por qualquer evidência física. E ela encontra exatamente o que Chloe não queria que ela encontrasse, fotos e cartas provando que Rachel estava em um relacionamento com Frank sem o conhecimento de Chloe. Chloe fica desapontada e diz que seu anjo se tornou como todo mundo em sua vida.

Mais tarde, Max acaba voltando para seu quarto e olhando para aquela foto antiga de cinco anos atrás, desejando que ela pudesse voltar naquele dia e mudar tudo. Max de alguma forma consegue usar seus poderes utilizando a foto e se ve dentro do seu corpo de 15 anos, exatamente no momento da foto que é também o dia em que William morreu. Max consegue reescrever a história e William não morre dassa vez. Derepente se ve sentada no campus da universidade, sendo melhor amiga de Victoria e tambem fazendo parte do clube Vortex. Ela se lembra de Chloe e então pega um onibus para ir até a casa da amiga, chegando lá ela é recebida por William que tem o prazer em reve-la. William grita por Chloe dizendo que ela tem visita. Quando Chloe aparece, Max fica em choque percebendo que com a mudança que fez no passado, sua amiga esta em uma cadeira de rodas e tetraplégica.
Eu fiquei em choque nesse momento. Sabia que o que viria depois de alterar o tempo não seria bom, mas eu definitivamente não estava preparada para tudo isso.
Minhas escolhas desse episódio caótico:
Próximo episódio: Dark Room

Deixe uma resposta